Na estante: Como eu era antes de você - Jojo Moyes

"Como eu era antes de você" nos conta a história da adorável e excêntrica Lou e do complexo Will, dois personagens tão diferentes, mas que cativam de forma única. Assim, devo confessar logo de cara que, sim, é um livro que amo.


Lou é aquela personagem de quem se deseja se tornar amiga, sabe? Ela é diferente, forte de uma forma única e com defeitos como cada um de nós, assim, ainda mais próxima de quem se realmente é. Ela, de verdade, é alguém com quem me identifiquei de cara e com quem senti estar derramando lágrimas e dando risada.
Quanto a Will, ele me remeteu à tantas pessoas, ele me fez mergulhar fundo até mesmo na minha própria pessoa e isso, bem... isso doeu de forma profunda. Ele, aliás, machuca, machuca mesmo. E mesmo com tantas críticas sobre o desfecho dele dentro da história, não o julgo nem odeio.


A história de Lou e de Will passa em uma pacata cidade do interior da Inglaterra, local em que Lou vive com a divertida família e onde passa a trabalhar com os rígidos Traynor. Aliás, ver a diferença entre as famílias impressiona e faz olhar para a própria base familiar. Incrível!
As relações humanas, o próprio entender sobre o que está ao redor e a autoestima são tratadas de diferentes formas e é isto que torna a leitura tão boa. Eu, simplesmente, devorei o livro, li tão rápido que mal respirei ao ler a última página, somente esperando pelo que virá depois. Me coloquei, ao terminar de ler, no lugar da Lou e isso me tocou de forma que poucos livros fazem.
Mas, devo ressaltar, é importante ler o livro em um momento em que se esteja forte, pois ele mexe com a gente. A obra nos faz cair no choro e nos remete a momentos tão sombrios que lê-lo ao se estar meio mal não é uma boa ideia, mesmo.
É importante falar que na obra se vê muito sobre preconceito, sobre a sociedade como um todo e como pode ser a vida quando se tem uma deficiência. Também podemos refletir quanto a gravidez na juventude e quanto a crise atual financeira que assola tantas nações. Assuntos estes que devem ser mais discutidos, e cada vez mais.
Leitura mais do que recomendada se curte o assunto. Sério! Emoção é o que não falta! Jojo conseguiu nos fazer passar por tempestades e por momentos tão leves durante sua obra que ao se acabar de ler, não tem como não ficar pensando: "E se fosse comigo?".
CATEGORIAS: , , , , , , ,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

siga no instagram: @chezyasmin
]]